# A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
Pai Goriot, O
BALZAC

Paixão medida, a
ANDRADE
1980
Paixão segundo G.H., a
LISPECTOR
1968
Panaroma do Finnegans Wake
CAMPOS
1986
Pandemia: covid-19 e a reinvenção do comunismo
ŽIŽEK
2020
Papéis avulsos
ASSIS

Papis et circenses
TORERO

Para entender o texto: leitura e redação
FIORIN

Paranóia
PIVA
2000
Para uma menina com uma flor
MORAES

Para uma menina com uma flor
MORAES

Para viver um grande amor
MORAES

Parvo Ofício
LINS

Patrão, o
NETO
2013
Pavilhão 9: paixão e morte no Carandirú
RAMOS

Pele negra, máscaras brancas
FANON
2020
Pequena história da música
ANDRADE
1980
Perto do coração selvagem
LISPECTOR
2017
Pivetim
TEOBALDO
2014
Poço, o
ANDRADE
1991
Poder de mau humor, o
CASTRO

Poeira
PAIXÃO
2016
Poema pedagógico
MAKARENKO
2012
Poemas
DIAS

Poemas dos becos de Goiás e estórias mais
CORALINA

Poemas escolhidos
PESSOA

Poemas rupestres
BARROS

Poesia
ESPANCA

Poesia: Alberto Caeiro
PESSOA
2001
Poesia é necessária, a
BRAGA
2015
Poesia e prosa
QUENTAL

Poesia e prosa de Mário de Andrade
PACHECO

Poesia mágica, profética e espiritual
PESSOA

Poesia não é difícil
MOISÉS
1996
Poesias completas
SOUSA

Polaquinha, a
TREVISAN

Política
RIBEIRO

Ponto cego, o
LUFT
1999
Por que escrevo
ORWELL
2021
Porta giratória
QUINTANA

Primeiras estórias
ROSA

Primeiras estórias
ROSA
2005
Primeiras estórias
ROSA
2019
Primeiras estórias
ROSA
1972
Primeiro beijo, o
LISPECTOR
1994
Primo Altamirando e elas
PRETA
2008
Prisioneiros, os
FONSECA
2013
Processo, o
KAFKA
2020
Processo, o
KAFKA
1989
Pupilas do Senhor Reitor, as
DINIS

Pureza do sacrilégio, na
CARDOSO
2017
Pureza do sacrilégio, na
CARDOSO
2017
Put some farofa
DUVIVIER